Sobre ter seu próprio negócio

November 8, 2016

Ao criarmos a Lanó, assumimos também uma nova aventura profissional: tocar nosso próprio negócio. Isso significa que além da parte linda de viver desenhando, nós teríamos que dar preços, conversar com clientes, saber vender nosso trabalho, escolher nossos horários, responder e-mails rapidamente, enfim a lista é grande e hoje aqui no blog vamos falar um pouco sobre essa escolha de ter seu próprio negócio.

 

Diferente de alguns artistas nós (ainda) não temos um ateliê para trabalhar. Então como moramos juntas, a nossa casa se tornou o nosso ambiente de trabalho. Essa situação tem seus lados bons e ruins. O lado bom é que não gastamos nem tempo nem com condução até o lugar de trabalho, podemos trabalhar de pijama, trabalhamos no horário que for melhor para a gente. Porém, com isso é difícil criar uma rotina de trabalho em que você tem hora para começar e para terminar. Muitas vezes acabamos abrindo e-mails de trabalho nos finais de semana ou então desenhando até de madrugada completando mais de doze horas de trabalho....É difícil saber a hora de parar de trabalhar. Mas também é difícil não interromper seu trabalho para fazer tarefas de casa, como lavar a louça ou regar as plantas.

 

Uma coisa que percebemos neste tempo de trabalho é que é preciso ter muita disciplina na hora de ser seu próprio chefe. Acordar, tomar um café, fazer as tarefas de casa, tirar o pijama são coisas que devem ser feitas antes de começar a trabalhar, é uma forma do nosso corpo entender que tá na hora de se focar em trabalho. A gente diz tudo isso aqui, mas ainda não conseguimos agir assim sempre...

 

Nós temos a sorte de ser uma dupla, então uma ajuda a outra com este tipo de coisa. Não temos um rotina muito firme mas começamos aplicar algumas coisas para nos ajudar com a organização e melhorar nosso poder de produção. Também tentamos fazer tudo juntas mas hoje já sabemos que algumas coisas ficam mais sob responsabilidade de uma ou da outra.

Uma coisa que aprendemos com o tempo: a organização é a melhor alternativa para se viver em paz e sem grandes turbulências. Afinal, nós além de sermos parcerias de trabalho, também moramos juntas. Isso implica uma série de contas e gastos, que hoje em dia dividimos em uma planilha no Excel.

 


Nós não abrimos mão dos nossos horários flexíveis, porém, descobrimos que a divisão de tarefas de maneira organizada realmente faz com que a nossa vida, e consequentemente o trabalho, fluam de maneira mais leve e produtiva. Para ajudar nisso, além das pessoas que trabalham com a gente, gostamos sempre de conversar sobe a Lanó com pessoas próximas e de diferentes áreas. Dessa forma, nós conseguimos adaptar e mudar nosso sistema de trabalho da melhor forma possível.

 

Nós decidimos não trabalhar de final de semana, por isso, é muito importante mantermos a disciplina durante a semana!

 

Como falamos no começo do texto, ainda não descobrimos nenhuma fórmula mágica para trabalhar em casa e estamos sempre procurando maneiras de nos aprimorar (se tiver uma dica, comenta aí!)

 

Espero que tenham conseguido absorver algumas dicas para trabalhar em casa e ter o seu próprio negócio.

 

Beijos, Lanó.

 

Share on Facebook
Please reload